Juros da dívida portuguesa a descer em todos os prazos e a 10 anos abaixo dos 6,3%


 

Lusa/AO Online   Economia   14 de Out de 2013, 08:40

Os juros da dívida soberana de Portugal estavam esta segunda-feira a descer em todos os prazos em relação aos valores de sexta-feira, situando-se no período a 10 anos em níveis abaixo dos 6,3%.

 

Às 08:45 de hoje, os juros a dez anos estavam a ser negociados a 6,242%, a descer em relação aos 6,268% do fecho de sexta-feira, que terminaram pela 12ª sessão consecutiva abaixo dos sete por cento.

Depois de terem subido até aos 7,508% a 12 de julho devido à crise política, os juros a 10 anos fecharam, entre 06 e 25 de setembro, em níveis sempre acima dos sete por cento.

Os juros da dívida a dois anos estavam hoje a ser negociados a 4,485%, a descer face a sexta-feira, dia em que terminaram a 4,510%, abaixo dos 5% pela sexta sessão consecutiva desde 29 de agosto.

A 13 de setembro, os juros neste prazo fecharam a 5,987%, um máximo desde o início do ano.

No prazo de cinco anos, os juros estavam a negociar a 5,442%, abaixo dos 5,443% do encerramento de sexta-feira. O máximo dos juros a cinco anos foi atingido a 12 de julho, durante a crise política, quando subiram até aos 7,324 por cento.

Entretanto, os juros da dívida soberana de Itália estavam a subir em todos os prazos, bem como os da dívida de Espanha.

Os juros da dívida da Grécia a dez anos, os únicos disponíveis, também estavam a descer depois de terem terminado abaixo dos 9% pela primeira vez desde 29 de maio.

 


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.