Governo anuncia criação de Polis para a Ria de Aveiro


 

Lusa / AO online   Nacional   13 de Nov de 2007, 11:46

O Governo anunciou que vai avançar com a criação de um programa "Polis" para a Ria de Aveiro, que integrará as várias intervenções necessárias e a respectiva programação financeira.
A informação foi avançada pelo ministro do Ambiente, Nunes Correia, durante a discussão do Orçamento na especialidade, tendo referido que vão ser criados também programas "Polis" para a Ria Formosa e Costa Vicentina.

O ministro anunciou que irá criar, por despacho, nos próximos dias, a equipa que terá à sua responsabilidade conceber e montar o Polis Ria de Aveiro.

Segundo o deputado do PS Afonso Candal, eleito pelo círculo de Aveiro, "não se trata de urbanizar a Ria, mas de aproveitar o rótulo do Polis para uma intervenção integrada na Ria de Aveiro, com uma liderança definida, aproveitando a arquitectura das sociedades Polis".

O Polis da Ria de Aveiro deverá aproveitar estudos já feitos pela Administração do Porto de Aveiro(APA) e pela Associação de Municípios da Ria(AMRia), no que respeita à requalificação dos canais e melhoramento das margens.

"Todos os intervenientes estão de parabéns porque não de trata de "very-lights" para problemas instantâneos ou modelos avulsos. São boas notícias, que demonstram claramente que há um olhar estruturado quanto ao futuro da Ria", comentou.

Apesar disso, para aquele deputado, o anúncio feito por Nunes Correia "não prescinde de uma intervenção mais rápida na Ria de Aveiro, nomeadamente ao nível do desassoreamento".

Afonso Candal admite que a responsabilidade pelo Polis da Ria de Aveiro venha a recair sobre a Administração Regional Hidrográfica, cuja comissão instaladora é presidida por Teresa Fidelis.

A criação de uma entidade gestora para a Ria de Aveiro tem sido reclamada por várias autarquias ribeirinhas e partidos políticos, desde que a jurisdição sobre a Ria deixou de estar entregue à administração portuária, o que tem conduzido à degradação da rede de canais.
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.