Açoriano Oriental
Filme mais caro de sempre do cinema chinês arrecada 64 ME na estreia
O filme mais caro da história do cinema chinês, "The Great Wall", protagonizado pelo norte-americano Matt Damon, arrecadou 465 milhões de yuan (64 milhões de euros), no primeiro fim de semana em que foi projetado.
article.title

Foto: Direitos Reservados
Autor: Lusa/Açoriano Oriental

Segundo os cálculos elaborados em tempo real pelo portal China Box Office, o filme registou o quarto melhor início deste ano no mercado chinês de cinema, o segundo maior do mundo.

A obra, dirigida pelo chinês Zhang Yimou, custou mais de 140 milhões de euros, e relata as aventuras de um mercenário inglês, interpretado por Damon.

A história remete para uma China imaginária, onde a Grande Muralha, o monumento mais conhecido do país, foi edificada para deter a invasão por monstros que comem carne humana.

"The Great Wall" é a primeira coprodução entre a China e os Estados Unidos da produtora de Hollywood Legendary, adquirida no início deste ano por Wang Jianlin, o homem mais rico da China e presidente do grupo Wanda Group, que tem a maior rede de distribuição cinematográfica do mundo.

Um outro filme da mesma produtora, estreado este ano, o "Warcraft", arrecadou quase 92 milhões de euros no seu primeiro fim de semana nos cinemas chineses, e alcançou receitas finais de 201 milhões de euros.

A obra com melhores resultados na estreia, este ano, na China, o "The Mermaid", alcançou uma receita de bilheteira final de 466 milhões de euros, o melhor resultado de sempre no país.

Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.