Comissão Europeia disponibiliza ajuda de urgência a Filipinas depois de tufão

Comissão Europeia disponibiliza ajuda de urgência a Filipinas depois de tufão

 

Lusa/AO Online   Internacional   9 de Nov de 2013, 15:19

O presidente da Comissão Europeia disponibilizou hoje a ajuda europeia para as Filipinas, país afetado pelo tufão Hayden que terá provocado mais de mil mortos.

"A Comissão Europeia já enviou uma equipa para ajudar as autoridades e estamos prontos para contribuir com uma ajuda de urgência se tal for pedido", escreveu José Manuel Durão Barroso numa carta enviada ao presidente filipino, Benigno Aquino, e já divulgada pelos serviços do responsável europeu.

Durão Barroso dá conta da sua "tristeza" devido às "importantes perdas humanas e à destruição" provocada no país pelo tufão, um dos mais fortes registados em todo o planeta.

As primeiras estimativas da Cruz Vermelha apontam para cerca de 1.200 mortos em consequência da passagem do tufão Hayden pelas Filipinas, trazendo ventos com uma média de 235 quilómetros por hora, mas também rajadas de 315 quilómetros por hora em alguns pontos.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.