Autárquicas

Candidato do PS mata marido de adversária do PSD


 

Lusa/AO Online   Nacional   11 de Out de 2009, 09:25

O marido da Presidente da Junta de Freguesia de Ermelo, Mondim de Basto, foi hoje morto a tiro junto à assembleia de voto pelo candidato adversário do PS, disse à Lusa o Governandor Civil de Vila Real, Alexandre Chaves.

"Houve troca de tiros entre o candidato do PS e o marido da senhora presidente e candidata do PSD ao mesmo cargo e há um que cai. O candidato do PS é que vitimou o marido da presidente", disse Alexandre Chaves.

De acordo com fonte policial do Comando da GNR de Vila Real, o homem tinha 57 anos e foi morto por "questões políticas".

O homícidio ocorreu pouco depois das 07:00 quando a vítima se encontrava a ajudar nos preparativos junto à mesa de voto de Fervença.

De acordo com a fonte policial, a assembleia de voto não está a funcionar.

A GNR já se encontra no local e montou uma operação para deter o homicida.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.