Portugal Masters em Golfe

Vasto lote de consagrados anima primeira edição

Vasto lote de consagrados anima primeira edição

 

Lusa / AO online   Outras modalidades   9 de Out de 2007, 16:00

Campeões de torneios do Grand Slam, membros da Ryder Cup e vencedores de torneios do European Tour têm a sua presença confirmada na edição inaugural do Portugal Masters, entre 18 e 21 de Outubro, em Vilamoura.
    O duplo campeão do Open dos Estados Unidos, o sul-africano Retief Goosen, o antigo campeão do British Open, o escocês Paul Lawrie, e o bicampeão do Masters, o espanhol José Maria Olazábal, são os cabeças de cartaz do torneio, que vai ser jogado no campo do Oceânico Victoria Golf Club, desenhado pelo norte-americano Arnold Palmer.

    Goosen ganhou o US Open em 2001 e 2004 e foi número 1 da Ordem de Mérito Europeia em 2001 e 2002. Lawrie assegurou o seu lugar na história do golfe internacional com um sucesso magnífico no British Open de 1999, em Carnoustie, recuperando de uma desvantagem de 10 pancadas na última volta, antes de se impor num "play-off" de quatro buracos.

    Olazábal, por seu lado, conquistou o Masters Tournament, em Augusta National, em 1994 e 1999, e disputou já sete edições da Ryder Cup, a última das quais em Setembro de 2006, no K Club, onde a Europa triunfou sobre os Estados Unidos, igualando a maior vantagem de sempre na prova (9 pontos).

    O Espanhol irá juntar-se em Portugal a outros quatro companheiros de equipa da selecção europeia que esteve no memorável duelo realizado na Irlanda: Darren Clarke, David Howell, Paul McGinley e Lee Westwood.

    Além de Westwood, um lote de vencedores de torneios em 2007 estará igualmente em acção, incluindo a dupla inglesa Justin Rose, que ganhou o torneio MasterCard, na Austrália, o seu terceiro troféu no European Tour, e Nick Dougherty, que derrotou uma impressionante concorrência no Domingo passado, no Alfred Dunhill Links Championship, em St. Andrews.

    Na lista de campeões de 2007 que virá até Vilamoura figuram os ingleses Ross Fisher e Graeme Storm, o escocês Marc Warren, os franceses Grégory Havret e Raphael Jacquelin e os espanhóis José Manuel Lara, Pablo Martin (actual campeão do Estoril Open de Portugal), Álvaro Quiros e Miguel Angel Jiménez, uma personalidade do Circuito Europeu pelos seus 13 títulos do European Tour (um dos quais o Algarve Open de Portugal, de 2004).

    Jiménez é um dos mais populares jogadores do European Tour, mas no Portugal Masters não deverá substituir o português Filipe Lima nas preferências do público local.

    O golfista lusitano, de 25 anos, conquistou o St. Omer Open de 2004, mas nessa altura ainda representava a França, uma vez que nasceu em Versalhes.

    Todavia, com pais portugueses, Lima optou pela nacionalidade portuguesa no final de 2004 e, desde então, não cessou mais de evoluir, melhorando a sua classificação na Ordem de Mérito Europeia em 2005 e 2006, tendo igualmente representado Portugal na Taça do Mundo (Algarve World Cup in Portugal), ao lado de António Sobrinho.

    "A minha mãe e o meu pai são portugueses e eu amo este país. Foi por isso que mudei de nacionalidade", disse Lima, que procurará tornar-se no segundo português a sagrar-se campeão de um torneio do European Tour, depois de Daniel Silva ter ganho o Jersey Open, em 1992.

    "No golfe, é importante jogarmos para nós próprios, mas é também muito significativo jogarmos pela nossa família", acrescentou Lima.

    Além do vasto grupo de "estrelas" consagradas, o Portugal Masters acolherá ainda alguns dos mais entusiasmantes novos talentos do European Tour, designadamente o argentino Andres Romero, que este ano perdeu o British Open por uma "unha negra" em Carnoustie, antes de ganhar na semana seguinte o torneio Deutsch Bank Players Championship of Europe, em Gut Kaden, na Alemanha.

    O Portugal Masters será o primeiro torneio do European Tour a disputar-se no Oceânico Victoria Golf Club, em Vilamoura, desde o Algarve World Cup in Portugal de 2005, no qual a dupla constituída pelos galeses Stephen Dodd e Bradley Dredge (ambos presentes no Portugal Masters) levaram a melhor.

    Um total de 126 jogadores competirá pelo "prize-money" global de três milhões de euros, meio milhão dos quais para o vencedor.

    O Portugal Masters é a "jóia da coroa" do compromisso de Portugal com o calendário do European Tour de 2007, depois de já se terem disputado o Open da Madeira, ganho pelo argentino Daniel Vancsik, e o Estoril Open, conquistado pelo espanhol Pablo Martin.
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.