Transferência até 2023 de 27ME para a SATA publicada em Jornal Oficial nos Açores

Transferência até 2023 de 27ME para a SATA publicada em Jornal Oficial nos Açores

 

Lusa/AO Online   Regional   29 de Out de 2018, 13:32

A SATA, vai receber este ano 7,3 milhões de euros, segundo uma resolução publicada esta segunda-feira em Jornal Oficial, resultante do anunciado aumento do capital social da SATA Air Azores.

O conselho do Governo açoriano tinha autorizado a redistribuição do valor do aumento do capital social da SATA Air Azores, depois de se saber que seria implementado um aumento de capital social na ordem dos 27 milhões de euros a serem efetivados em seis anos, com início este ano e termo em 2023.

De acordo com a resolução do conselho de Governo publicada esta segunda-feira em Jornal Oficial é autorizada a transferência de 27 milhões de euros para a SATA SGPS, a concretizar em seis anos económicos, com início em 2018 e termo em 2023.

Este ano será transferida a verba de 7,380 milhões de euros e entre 2019 e 2023 será transferido, por ano, um total de 3,923 milhões de euros.

Em outubro, o secretário regional adjunto da Presidência para os Assuntos Parlamentares, Berto Messias, tinha anunciado que o Conselho de Governo realizado na ilha do Corvo, aquando da visita estatutária do executivo açoriano, aprovou a "redistribuição desses valores, aumentando em 2,1 milhões de euros o valor da transferência" previsto para este ano.

Tal montante será deduzido ao valor que se previa transferir nos anos seguintes até 2023, "não alterando o valor global do aumento de capital anteriormente aprovado".

Questionado pela agência Lusa sobre os motivos desta redistribuição, o governante sublinhou que esta se deveu a um pedido da administração da companhia aérea a que o executivo acudiu "sem qualquer problema" visto não haver "alteração do valor global" do aumento do capital social.

Em julho, o executivo açoriano assinalou que o reforço do capital social "mantém o exclusivo do capital social da SATA Air Açores pela Região Autónoma dos Açores”, numa decisão que "visa fortalecer a situação líquida da empresa e proporcionar-lhe uma maior robustez económica e financeira" para "o regular cumprimento do seu objeto social de transporte aéreo" entre as nove ilhas do arquipélago.

O executivo açoriano salientava ainda que o aumento do capital social da SATA Air Açores integrava a "ampla reestruturação do setor público empresarial da região que tem vindo a ser delineada pelos Governo dos Açores".



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.