Saúde

Só dentro de alguns meses se pode aferir se cegueira é irreversível

Só dentro de alguns meses se pode aferir se cegueira é irreversível

 

Lusa / AO online   Nacional   9 de Nov de 2009, 16:38

O Hospital de Santa Maria afirmou esta segunda-feira que não se pode determinar ainda se é irreversível a situação clínica dos doentes que ficaram cegos com um tratamento oftalmológico e que tal só será possível dentro de alguns meses.
Em comunicado, o Centro Hospitalar Lisboa Norte (CHLN) afirma que "não é possível com rigor, dado o tempo decorrido, estabelecer um prognóstico sólido relativamente à evolução da situação clínica dos doentes".

Em declarações à agência Lusa, o director clínico do CHLN, Correia da Cunha, disse ter sido estabelecido um prazo de seis meses - em Agosto - durante o qual uma comissão de acompanhamento vai avaliar os danos causados aos doentes.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.