Sindicatos voltam à mesa negocial para última reunião


 

Lusa/Ao online   Nacional   21 de Nov de 2007, 08:18

As três estruturas sindicais da Administração Pública voltam hoje às negociações com o Governo para encerrar um processo que resultou num aumento salarial de 2,1 por cento, contestado pelos trabalhadores.
Depois do encerramento das negociações salariais, esta reunião vai servir para discutir a Bolsa de Emprego Público e os cadernos reivindicativos apresentados pelas estruturas sindicais.

    Apesar dos protestos dos sindicatos, o Ministério das Finanças e da Administração Pública encerrou as negociações salariais com uma actualização de 2,1 por cento para 2008, o mesmo valor com que iniciou a negociação.

    Esta posição levou as três estruturas sindicais (Frente sindical da Administração Pública, Sindicato dos Quadros Técnicos do Estado e Frente Comum de sindicatos da Administração Pública) a convocarem uma greve para dia 30 de Novembro.

    Entretanto, o STE entregou na passada semana ao Ministério das Finanças um pedido de negociação suplementar sobre os aumentos salariais na administração pública.

    No mesmo dia, o secretário de Estado da Administração Pública, João Figueiredo, reiterou que as negociações salariais estão encerradas.
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.