Revista de Imprensa Nacional


 

Lusa/Ao online   Nacional   20 de Nov de 2007, 05:33

A intenção do PSD de passar a funcionar como empresa, as duas tentativas de assalto a bancos em Lisboa e em Vila do Conde e os novos desenvolvimentos do caso Maddie estão hoje em destaque na imprensa lisboeta.
O Público escolheu para manchete o título “PSD quer funcionar como empresa e contratar assessores por concurso”.

    De acordo com o jornal, a modernização do PSD passa por ter uma reestruturação organizativa e funcional do partido e, para isso, quer deixar de viver do voluntarismo dos militantes e profissionalizar-se, passando a funcionar como empresa.

    O matutino adianta ainda que o líder do PSD vai apresentar em breve ao Conselho Nacional medidas para a profissionalização do partido.

    O Público puxa ainda para a capa “Hugo Chávez: Ontem no Irão, ao almoço em Paris e em Lisboa ao jantar”.

    “PJ vai interrogar outra vez amigos do casal McCann” é a manchete do Jornal de Notícias, referindo que os investigadores querem quebrar pacto de silêncio entre o grupo e esclarecer contradições.

    O JN chama também à primeira página o título “Assaltos falhados em dois bancos”, referindo-se às duas tentativas de roubo a bancos em Lisboa e em Vila do Conde.

    “GNR recorre à força para afastar grevistas da Valorsul”, “Maioria das crianças já está vacinada contra a meningite” e “Polícia impede massacre de estudantes planeado por jovens” na Alemanha são outras chamadas de capa do JN.

    O Diário de Notícias realça na primeira página “Tribunal de Contas arrasa gestão pública nos Açores”, num relatório divulgado segunda-feira.

    A auditoria do Tribunal de Contas, ao período entre 2004 e 2006, aponta irregularidades no regime remuneratório do sector público empresarial da região, escreve o DN.

    Na capa o DN destaca também as tentativas de assaltos em Lisboa e em Vila do Conde e o aumento dos despedimentos colectivos.

    O Correio da Manhã faz manchete com o título “Professores obrigados a dar boas notas”, explicando que os conselhos executivos das escolas pressionam docentes a passar os alunos.

    De acordo com o CM, os professores são “obrigados a dar boas notas para melhorar resultados das escolas”.

    “Grupo de operações especiais captura gang” que tentou assaltar banco em Lisboa e “Bispo manda abrir portas da igreja a investigadores da Judiciária” são outros assuntos abordados no CM.

    “Amante de [Robert] Murat suspeita de raptar Maddie” é a manchete do 24horas, adiantando que os detectives dos McCann garantem ter provas contra aquela cidadã alemã residente no Algarve.

    De acordo com o diário, uma testemunha disse aos investigadores espanhóis que viu Michaela Walczuch entregar uma criança a um homem numa localidade a 145 quilómetros da Praia da Luz.

    “Hugo Chávez discute petróleo e emigrantes com Sócrates” e “Violador da própria filha apanhado pela GNR no Canidelo” são outras chamadas de capa do 24horas.

    O Jornal de Negócios revela na capa que “Venezuela vai fornecer gás natural à Galp Energia”.

    Segundo o económico, a visita que o presidente venezuelano, Hugo Chávez, faz hoje a Portugal será marcada pela assinatura do acordo de parceria estratégica entre a Galp Energia e a Petróleos da Venezuela.

    O JdN puxa ainda para a capa “Sonae obrigada a abdicar de quatro `hiper´ Carrefour”, “Agricultura: Subsídios baixam peso nas contas da união Europeia” e “PS reforça incentivos fiscais para o interior”.

    O Diário Económico destaca na sua edição de hoje “Fisco com ordem para cobrar ao máximo até ao final do ano”.

    O DE escreve que a instrução do novo responsável pelos impostos é taxativa: “Afectar às tarefas de cobrança coerciva todos os recursos possíveis”.

    “BCP em força na Holanda para testar Eureko”, “Somague ganha projecto à Mota na Irlanda” e “Hugo Chávez em Lisboa recebe críticas dos EUA” são outros temas do DE.

    Os desportivos continuam a dedicar as manchetes a assuntos intemporais, com A Bola a sublinhar o interesse de clubes estrangeiros em Miguel Veloso, O Jogo a destacar uma entrevista com Purovic do Sporting e o Record a falar da actualidade no clube de Alvalade.

    “Loucos por Veloso”, anuncia A Bola, referindo-se ao interesse de Real Madrid e de Manchester United.

    Sobre o primeiro, diz que o técnico Bernd Schuster “já colocou o jovem leão no topo das prioridades” e quanto ao clube inglês refere que Alex Ferguson ”envia o irmão, principal olheiro, a todos os jogos”.

    O montenegrino Purovic faz a manchete de O Jogo, com uma entrevista em que o avançado proclama: “Os árbitros irritam-me!”

    Menos explosivo, noutro título destacado, o jogador diz que “o Sporting tem todas as condições para chegar ao fim como campeão” e que precisa “de jogar mais”.

    O Record anuncia na capa que “(Soares) Franco (presidente do Sporting) exige qualidade”, indicando que “só vai ao mercado de Janeiro pela certa”.

   

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.