Açoriano Oriental
Açores/Eleições
PSD diz na AR que Governo do PS na Região “está morto”

O PSD criticou na Assembleia da República a governação socialista nos Açores, a cerca de um mês das eleições regionais, dizendo que o executivo liderado pro Vasco Cordeiro “não governa” e “está morto”.

PSD diz na AR que Governo do PS na Região “está morto”

Autor: Lusa/AO Online

Os sociais-democratas aproveitaram esta quarta-feira o período de declarações políticas no parlamento para se referirem à situação na Região Autónoma dos Açores, defendendo que os resultados de 24 anos de governação socialista “são preocupantes” em indicadores como a pobreza, a taxa de abandono escolar precoce ou a saúde.

“O Governo do PS nos Açores está morto, o Governo do PS não quer saber, o Governo PS nos Açores não governa”, acusou o deputado António Ventura.

Para o deputado do PSD eleito pelo círculo eleitoral dos Açores, ao executivo socialista “não faltou dinheiro” da União Europeia e dos Orçamentos do Estado e “não faltou tempo”, mas as estratégias e as políticas.

“Torna-se urgente nos Açores uma mudança política no próximo dia 25 de outubro e o José Manuel Bolieiro [líder do PSD regional] é o único que pode dar uma resposta aos problemas dos açorianos”, afirmou, recebendo um forte aplauso da sua bancada.

Na resposta, a deputada socialista Lara Martinho - também eleita pelos Açores - criticou a intervenção de António Ventura, acusando-o de, no plenário do parlamento nacional, “dar um contributo negativo para a imagem dos Açores”.

“O senhor deputado concentrou-se numa visão pessimista, unilateral da nossa região, ignorando uma série de aspetos fundamentais”, disse, apontando que a taxa de desemprego nos Açores é a mais baixa do país e que esta foi a região que mais convergiu com a União Europeia.

Pelo PCP, a deputada Alma Rivera admitiu que análise dos sociais-democratas sobre a situação dos Açores não diverge muito da do seu partido, mas acusou o PSD de não ter contribuído para ajudar a resolver os problemas da Região.

“Os Açores precisam mesmo de uma viragem, mas tem de ser de verdade, não é para virar o disco e tocar o mesmo”, criticou.

Na mesma linha, a deputada dos Verdes Mariana Silva considerou que foram muitos os problemas que “o PSD deixou na Região e aos quais o PS não foi capaz de responder”.

Os Açores vão ter eleições legislativas regionais no próximo dia 25 de outubro, elegendo os 228.572 eleitores inscritos um total de 57 deputados para a Assembleia Legislativa da região.

 
PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.