Açoriano Oriental
Prisão preventiva para suspeito de roubo num estabelecimento comercial na Ribeira Grande

Um homem ficou em prisão preventiva por ser suspeito de um roubo, num valor superior a 3.000 euros, num estabelecimento comercial, no concelho da Ribeira Grande, nos Açores, informou hoje a PSP.

Prisão preventiva para suspeito de roubo num estabelecimento comercial na Ribeira Grande

Autor: Lusa

Segundo o Comando Regional da Polícia de Segurança Pública (PSP) nos Açores, o homem, de 40 anos, foi detido "em flagrante delito”, no dia 09 de novembro, por furto qualificado, depois de o alarme do estabelecimento comercial ter sido acionado.

Os polícias da esquadra da Ribeira Grande, em São Miguel, deslocaram-se para o local e depararam-se com a porta do estabelecimento comercial entreaberta e surpreenderam o suspeito em flagrante, indicou a PSP num comunicado.

De acordo com aquela força policial, o suspeito é "sobejamente conhecido pela PSP pela constante prática de ilícitos contra a propriedade para sustentar os seus hábitos de consumo".

Na altura da ocorrência, o homem estava escondido das autoridades e tinha já na sua posse "alguns bens separados para fugir do local”, num valor superior a 3.000 euros, revela a mesma fonte policial.

Após presente a Tribunal, o suspeito ficou com "a medida de coação mais gravosa, a de prisão preventiva", acrescentou.

A PSP informa ainda no comunicado que a Esquadra da Ribeira Grande conseguiu recuperar um cofre com cerca de 17 mil euros e identificou o suspeito, "um dia após o ilícito criminal".

O suspeito, que "confessou o crime", estaria na posse de uma chave falsa com a qual "se introduziu no interior da residência” onde estava o cofre, “aproveitando a ausência" do morador para o roubar, segundo a PSP.

O cofre foi apreendido e posteriormente entregue ao seu fiel proprietário.

"Face ao hiato temporal, o suspeito foi constituído arguido, pelo que o processo irá decorrer nos seus trâmites habituais", lê-se no comunicado policial.


PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados