Play/AutoAçoreana Racing diz que “foi feita justiça” e mantém dupla de pilotos

Play/AutoAçoreana Racing diz que “foi feita justiça” e mantém dupla de pilotos

 

Nuno Martins Neves   Motores   20 de Dez de 2018, 09:32

O diretor de equipa da Play/AutoAçoreana Racing congratulou-se com o arquivamento do processo disciplinar que pendia sobre a equipa e a sua dupla de pilotos, considerando que foi a “opção correta”.

Em declarações ao Açoriano Oriental, Gonçalo Mota afirmou estar “naturalmente satisfeito” com a decisão do Conselho de Disciplina.

“Na nossa opinião foi feita justiça”, referiu. Bernardo Sousa e Valter Cardoso deixam de estar suspensos e o diretor de equipa confirma a aposta em ambos para 2019: “Estávamos convictos que esta decisão seria aquela que efetivamente ocorreu e portanto continuaremos com a mesma dupla no próximo ano”.

Em 2019, o objetivo será lutar pelo título regional, que segundo Gonçalo Mota, “provavelmente” será ao volante de um Citröen DS3 R5.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.