Açoriano Oriental
Parlamento cumpriu um minuto de silêncio pelas vítimas

Os deputados à Assembleia da República cumpriram um minuto de silêncio em homenagem às vítimas dos incêndios do fim de semana, em que morreram pelo menos 41 pessoas.

Parlamento cumpriu um minuto de silêncio pelas vítimas

Autor: Lusa/AO online


O voto, apresentado pelo presidente da Assembleia da República, Eduardo Ferro Rodrigues, foi aprovado por unanimidade, após um debate em que ninguém bateu palmas.

Na bancada do Governo, estavam o primeiro-ministro, António Costa, de gravata preta, e restantes membros do executivo, que, a seguir, participam no debate quinzenal.

Nas bancadas parlamentares muitos deputados usaram fatos escuros em sinal de luto.

No texto aprovado, além de se expressar o pesar pelas vítimas e a solidariedade por todos quantos ajudaram a combater os incêndios e ajudaram as populações, a começar pelos bombeiros, é dito que as reparações devidas às vítimas “têm que avançar”.

“Em respeito pela sua memória não podemos ficar de braços cruzados”, afirma-se no voto, lido por Ferro Rodrigues, em que se lembra ter sido este um fim de semana em que se registaram cerca de 700 incêndios florestais.

O presidente do parlamento sublinhou ainda que “Portugal tem que estar preparado para lidar com esta ameaça”, com modelos adequados de prevenção e combate.

Com a demissão da ministra Constança Urbano de Sousa, hoje pela manhã, o Ministério da Administração Interna esteve representado pela secretária de Estado Adjunta e da Administração Interna, Isabel Oneto.


Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.