Açoriano Oriental
Trabalho
Operadores da central de táxis com salários em atraso
Os quatro operadores de telefone da central de táxis de Ponta Delgada, sedeada na zona do Ramalho, reclamam o pagamento de parte do salário de Outubro.
Operadores da central de táxis com salários em atraso

Autor: Pedro Nunes Lagarto
Um operador que solicitou o anonimato explica que “a partir de Setembro começaram os problemas sendo que os salários foram pagos com um mês de atraso e pela metade, ou seja, 250 euros em vez de 500 euros”.

A mesma fonte disse ainda que pelo facto de um quinto operador de telefone não se encontrar ao serviço os demais foram obrigados a um desdobramento de horário o que fez aumentar as horas ao serviço e os encargos por receber.

“Na anterior direcção esse tipo de problemas não se colocava”, acrescentou a mesma fonte, que refere ainda que “a entidade patronal  justificou os atrasos nos salários “com a falta de dinheiro”.
PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.