Açoriano Oriental
Nobel da Paz 2014 distingue ativista Malala e indiano Kailash Satyarthi
A paquistanesa Malala Yousafzai, de 17 anos, e o indiano Kailash Satyarthi venceram o prémio Nobel da Paz, anunciou esta sexta-feira a Academia Sueca.
article.title

Foto: JASON SZENES / MARTIAL TREZZINI/EPA
Autor: Lusa/AO Online

 

A ativista paquistanesa era a mais jovem entre os favoritos a receber o galardão. Já Kailash Satyarthi é um indiano que também tem lutado contra o trabalho infantil.

Malala tornou-se num símbolo reconhecido internacionalmente de resistência aos esforços dos talibãs em negar educação e outros direitos às mulheres.

Com 50 anos, Kailash Satyarthi é um dos promotores da Marcha contra o Trabalho Infantil e já resgatou mais de 60 mil crianças trabalhadores e também adultos mantidos sob regime de escravidão.

“As crianças devem ir à escola e não serem exploradas financeiramente”, disse o presidente do comité do Prémio Nobel, Thorbjoern Jagland.

 

Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.