Irão

Mussavi e Karubi exigem acesso à televisão estatal


 

Lusa/AO online   Internacional   12 de Out de 2009, 11:59

Dois dos candidatos derrotados nas eleições presidenciais iranianas de Junho exigiram acesso à televisão estatal para sustentarem as acusações que fizeram de que houve fraudes em grande escala no escrutínio, noticiou esta segunda-feira um jornal reformador.

Mir Hossein Mussavi e Mehdi Karubi, duas das principais figuras da oposição, afirmaram numa reunião realizada sábado que querem ter acesso à televisão para responder às autoridades, segundo as quais eles não têm qualquer prova da ocorrência de fraudes.

 

Mussavi, citado pelo jornal reformista Sarmayeh, acusou os responsáveis iranianos de darem "informações falsas" sobre as manifestações que abalaram o país depois da controversa reeleição do Presidente Mahmud Ahmadinejad a 12 de Junho.

 

"Veja-se quantas vezes o número de mortos foi alterado", disse Mussavi no encontro com Karubi, segundo o jornal.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.