Mau tempo voltou a fazer estragos na costa norte da Madeira

Mau tempo voltou a fazer estragos na costa norte da Madeira

 

Lusa/AO online   Nacional   6 de Nov de 2012, 08:31

Os concelhos de São Vicente e de Santana, no norte da Madeira, foram os mais atingidos pelas chuvas e vento na madrugada de terça-feiira, mas não há vitimas a registar, disseram à agência Lusa os bombeiros locais.

"Houve muitas derrocadas, casas inundadas no sítio do Passo, perto das Grutas de São Vicente, vários carros arrastados, mas não houve danos pessoais porque as pessoas já estavam avisadas das chuvas", disse uma fonte dos Bombeiros Voluntários de São Vicente e do Porto Moniz (BVSVPM).

Em declarações à agência Lusa, o presidente da Câmara Municipal de São Vicente, Jorge Romeira, revelou que a "noite foi muto mazinha” porque “chove desde as 23:00 horas de segunda-feira".

O mau tempo, acrescentou o autarca, provocou derrocadas e o transbordo de ribeiros e afluentes arrastou lama e pedras que atingiram várias casas e automóveis.

Apesar disso "não há danos pessoais" a registar, adiantou Jorge Romeira, ressalvando que os problemas "são mesmo no centro do concelho: em Lombo, Passo, Terra Chã, Boaventura e Ponta Delgada, Fajã Grande, mas que a via expresso está operacional".

Segundo o autarca, 14 casas foram inundadas, 11 pessoas ficaram desalojadas e cerca de 15 carros danificados, sendo que as escolas do concelho foram encerradas.

Em Santana, as chuvas também provocaram algumas derrocadas, designadamente nos sítios do Lombo Galego e Corujeira na freguesia do Faial, de acordo com os Bombeiros Voluntários de Santana que adiantaram não haver vítimas registadas.

No concelho de Machico, já na parte sul da ilha, houve também algumas derrocadas na estrada entre Maroços e a Portela.

Nos restantes concelhos e segundo as respetivas corporações de bombeiros o mau tempo não provocou danos.

Desde a madrugada de domingo que a Madeira tem vindo a ser fustigada por chuvas, vento e trovoada.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.