Mais de um milhão de pessoas viu exposição de Joana Vasconcelos em Paris

Mais de um milhão de pessoas viu exposição de Joana Vasconcelos em Paris

 

Lusa   Nacional   8 de Out de 2012, 16:16

Mais de um milhão de pessoas viu a exposição de Joana Vasconcelos no Palácio de Versalhes, em Paris, que reuniu, até 30 de setembro, 15 obras de arte contemporânea da artista portuguesa, revelou fonte do atelier à Lusa.

A exposição, que tinha sido inaugurada a 18 de junho, encerrou a 30 de setembro último, após três meses e meio no palácio e jardins do século XVII, nos arredores de Paris.

Contactado pela agência Lusa sobre o balanço dos visitantes, o gabinete de comunicação do atelier de Joana Vasconcelos, em Lisboa, indicou que 1.108.000 pessoas visitaram o palácio durante a exposição.

Com base nos dados fornecidos ao atelier pelos responsáveis de Versalhes, este total eleva-se a 1.679.000, juntando os visitantes dos jardins, onde também se encontravam três obras da artista, de 40 anos, a primeira mulher e a mais jovem criadora a expor naquele palácio.

Em mostras anteriores, também no palácio de Versalhes, uma exposição do artista norte-americano Jeff Koons recebeu 906.559 visitantes e as obras do artista japonês Takashi Murakami atraíram 922.379 pessoas.

Nos jardins de Versalhes, junto à entrada do edifício setecentista, estavam obras de Joana Vasconcelos também de grandes dimensões, como o garrafão e o bule de chá em ferro, e uma outra composta por garrafas de champanhe iluminadas.

Durante a exposição, no interior do palácio, as obras de Joana Vasconcelos formavam um percurso em várias salas, onde se encontravam, entre outras, os sapatos femininos gigantes "Marilyn" (2011), criados com os tradicionais tachos portugueses, e as obras "Coração Independente Vermelho"(2005) e "Coração Independente Negro"(2006), feitas com colheres de plástico.

Nascida em Paris, em 1971, Joana Vasconcelos vive e trabalha em Lisboa. Em 2010 mostrou, no Museu Coleção Berardo, em Lisboa, a sua primeira exposição antológica, intitulada "Sem Rede", com 37 obras.

Essa mostra, a maior de sempre da artista, foi visitada por 167 mil pessoas em dois meses e meio.

Em junho deste ano, a Secretaria de Estado da Cultura anunciou que Joana Vasconcelos vai representar oficialmente Portugal na próxima Bienal de Arte de Veneza, em 2013, num projeto comissariado por Miguel Amado.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.