Bolsa

Lisboa fecha a ganhar mais de 1% em linha com Europa


 

Lusa / AO online   Economia   23 de Nov de 2009, 16:19

O principal índice da bolsa portuguesa, o PSI-20, encerrou esta segunda-feira a subir 1,07 por cento, para 8.532,61 pontos, em linha com a Europa, com a maioria das empresas a valorizarem.
Dos vinte títulos que compõem o PSI-20, 19 fecharam em alta e apenas uma perdeu valor, numa sessão em que trocaram de mãos 27,4 milhões de títulos, num valor acima de 78 milhões de euros.

Os cinco pesos pesados da praça portuguesa avançaram durante a sessão, com o BES em destaque ao somar 1,98 por cento para 4,89 euros, seguido pelo BCP que ganhou 1,63 por cento para 0,936 euros, pela Galp Energia que progrediu 1,26 por cento para 12,485 euros, pela Portugal Telecom que valorizou 0,84 por cento para 8,17 euros e pela EDP que subiu 0,79 por cento 3,08 euros.

A Altri apresentou a maior valorização do dia, ao ganhar 3,9 por cento para 3,968 euros, acompanhada pela subida de 2,10 por cento da Portucel para 1,944 euros.

A Semapa, a Cimpor, a Sonaecom e a Jerónimo Martins também cresceram mais de um por cento.

Pela negativa, apenas a Sonae Indústria fechou a sessão em baixa, perdendo 0,4 por cento para 2,6 euros.

Lá fora, as principais bolsas europeias também encerraram o dia a valorizar e com subidas superiores à obtida pelo PSI 20, com os ganhos a variarem entre os 1,89 por cento de Madrid e os 2,44 por cento de Frankfurt.

Foi o maior avanço das praças do Velho Continente nos últimos três meses, com os investidores a reagirem em alta aos dados económicos positivos que hoje foram divulgados na Zona Euro - com a produção industrial e os serviços a crescerem pelo quarto mês consecutivo.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.