Jovem sueco multado por insultos racistas na Internet ao futebolista sueco Durmaz


 

Lusa/Ao online   Internacional   5 de Mar de 2019, 18:04

A justiça sueca condenou esta segunda feira ao pagamento de uma multa um jovem de 17 anos que insultou na Internet o futebolista Jimmy Durmaz, que representava a seleção do país no Mundial2018.

No jogo frente à Alemanha, da fase de grupos do Mundial, Durmaz, que nasceu na Suécia, mas é filho de pais turcos, cometeu uma falta, já em tempo de compensação, que acabou por dar origem ao livre que ditou o segundo golo e a vitória dos germânicos por 2-1.

O jogador, que alinha nos franceses do Toulouse, começou de imediato a receber mensagens com insultos e comentários racistas nas redes sociais.

A federação sueca enviou as mensagens à polícia, que, entretanto, deteve três jovens. Um deles recebeu uma advertência, outro foi multado sem julgamento, e um terceiro foi hoje condenado pelo tribunal de Växjö ao pagamento de uma multa no valor total de 10.500 coroas suecas (cerca de 996 euros).

Parte da multa será paga a Durmaz, a quem o rapaz chamou “barata repugnante”, uma expressão que na Suécia é conotada com o racismo.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.