Ucrânia

Iuchenko faz último apelo para formação de coligação


 

Lusa/AOonline   Internacional   6 de Out de 2008, 16:00

O presidente da Ucrânia, Viktor Iuchenko, fez um último apelo aos deputados para formarem um governo de coligação e evitarem a realização de eleições antecipadas.
No entanto, o presidente ucraniano também sublinhou hoje que não confia na primeira-ministra ucraniana, Iulia Timochenko, para refazer a aliança pró-ocidental e indicou que está disposto a convocar eleições antecipadas.

    O presidente fixou terça-feira como última oportunidade para que seja formada uma nova coligação governamental.

    Iuchenko e Timochenko lideraram a revolução pró-democracia em 2004.

    No mês passado, Iuchenko abandonou a coligação depois da primeira-ministra ter apoiado com a oposição a diminuição de poderes do presidente.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.