Hillary Clinton pede à Coreia do Norte para acabar com provocações


 

Lusa/AO online   Internacional   26 de Mai de 2010, 11:47

A secretária de Estado norte-americana Hillary Clinton pediu à Coreia do Norte para cessar as "provocações e a sua política de ameaças".
A responsável norte-americana salientou que a comunidade internacional deve responder ao naufrágio de uma embarcação sul coreana, afundada pela Coreia do Norte, segundo um inquérito internacional.

"Apelamos à Coreia do Norte para que cesse as suas provocações e a sua política de ameaças e de conflito face aos seus vizinhos", declarou Hillary Clinton numa conferência de imprensa em Seul, depois de um encontro com o presidente sul-coreano Lee Myung-Bak.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.