Angola/ RD Congo

Guterres em Kinshasa com crise de repatriamentos na agenda


 

Lusa / AO online   Internacional   14 de Out de 2009, 12:59

A questão das expulsões recíprocas entre Angola e República Democrática do Congo será abordada pelo Alto Comissário das Nações Unidas para os Refugiados, António Guterres, numa visita que esta quarta-feira inicia em território congolês.

Segundo noticia a imprensa local, Guterres chegou terça-feira à noite a Kinshasa para uma visita de três dias destinada a avaliar as operações de protecção de refugiados em curso, e encontra-se hoje com o primeiro-ministro, Adolphe Muzito.

O Alto Comissário das Nações Unidas para os Refugiados tem também encontros previstos com outros governantes, representantes das Nações Unidas e da comunidade de países doadores da República Democrática do Congo, informa a rádio Okapi, ligada à missão da ONU no país.

De acordo com o serviço de informação internacional dos missionários católicos (MISNA), que cita fontes humanitárias, ascende a 200 mil o total de congoleses expulsos de Angola, que vivem em "condições extremamente precárias" em províncias de fronteira como Baixo Congo, Bandundu e Kasai-Ocidental.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.