Guache de Vieira da Silva vai a leilão com valor de licitação entre os 60 e os 90 mil euros


 

Lusa / AO online   Nacional   25 de Nov de 2007, 11:42

Obras de Vieira da Silva, Sarah Affonso, Mário Cesariny e Carlos Botelho, entre outros, vão segunda-feira à praça, em Lisboa, naquele que será o primeiro leilão de arte moderna e contemporânea da leiloeira Cabral Moncada (CM).
    "A leiloeira já realizou vários leilões onde integrou arte moderna e contemporânea, mas este é o primeiro dedicado em exclusivo e com um conjunto de obras de primeira água", disse à Lusa Pedro Alvim, administrador da CM.

    A obra com o valor mais alto de licitação é um guache sobre papel sem título de Maria Helena Vieira da Silva (34 por 70 cm).

    Este guache cujo valor de licitação oscila entre os 60.000 e os 90.000 euros foi uma das suas obras expostas em Bruxelas por ocasião da Europália 1991.

    Outra obra de elevado valor de licitação é um óleo sobre tela de Sarah Affonso de 1931 (100 por 80 cm).

    O quadro, intitulado "Menina à janela", tem um valor de licitação entre os 50.000 e os 75.000 euros.

    Igual valor de licitação tem um óleo sobre tela colado em cartão de Mário Eloy (46 por 33 cm), intitulado "O poeta António de Navarro".

    De Júlio Pomar irá a leilão um óleo sobre tela "Kami Masrour" (182 por 130 cm) com valor de licitação a partir dos 40.000 euros.

    A leilão vão outras telas de pintores como Julião Sarmento, Rolando Sá Nogueira, Tom, Pedro Proença e ainda várias esculturas, nomeadamente de João Cutileiro e de Cristina Ataíde e um armário de Rui Chafes.

    O armário livreiro em metal negro vai à praça com um valor de licitação entre os 4.000 e os 6.000 euros.

    No total serão apresentados à praça em sessão única 98 peças.

    Segundo Pedro Alvim este primeiro leilão de arte moderna e contemporânea "procura corresponder às expectativas manifestadas pelo mercado mais conhecedor, daí o restrito número de obras escolhidas segundo a sua particular qualidade, raridade e interesse".

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.