Governo exclui garantia ao conglomerado Dubai World

Governo exclui garantia ao conglomerado Dubai World

 

Lusa / AO online   Economia   30 de Nov de 2009, 11:08

O governo de Dubai não garantirá a dívida do conglomerado público Dubaï World fortemente endividado, afirmou o director do departamento financeiro do emirado, Abdel Rahman Al Saleh.
"É verdade que o governo é o proprietário" de Dubai World, declarou o responsável nuna entrevista divulgada pela televisão do Dubai.

"Mas como a firma tem várias actividades expostas a todo o tipo de risco, a decisão foi tomada desde a criação da companhia que não seria garantida pelo governo", acrescentou.

O emirado do Dubai anunciara quarta-feira a intenção de pedir aos credores do seu conglomerado Dubai World, que controla nomeadamente Nakheel, um adiamento de seis meses até Maio de 2010, do pagamento de uma dívida chegada à maturidade.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.