Finanças

Governo aprovou redução das participações sociais da Região em 21 empresas

Governo aprovou redução das participações sociais da Região em 21 empresas

 

Lusa/AO online   Regional   29 de Out de 2011, 17:22

O Governo dos Açores, no quadro da reestruturação do setor público empresarial e da redução da despesa pública, aprovou hoje uma redução das participações sociais detidas pela Região em várias empresas regionais.

O plano de alienações, fusões e extinções que será implementado "de forma gradual e faseada" até meados de 2012 resultará, segundo o comunicado final da reunião do Conselho de Governo, na redução de 21 participações sociais detidas, de forma direta ou indireta, pela Região. Neste quadro de racionalização de estruturas e custos, o executivo decidiu extinguir a Empresa de Transportes Coletivos de Santa Maria (ETCSM) e a Associação Açoriana de Formação Turística e Hoteleira (AAFTH), cujas atividades serão integradas na Associação de Turismo dos Açores (ATA). Por outro lado, foi decidida a alienação de participações sociais na ONIAÇORES, CONTROLAUTO, BANIF Açores Pensões, IATH e Caixa Agrícola de Crédito Mútuo dos Açores. O executivo aprovou ainda a fusão por incorporação da EEG com a SOGEO, no âmbito do Grupo EDA (Eletricidade dos Açores) e a alienação da participação social e extinção da PRONTAÇORES, empresa da LOTAÇOR, sociedade de capitais públicos regionais que gere as lotas do arquipélago. No âmbito da empresa Portos dos Açores foi decidida a alienação de participações sociais na Associação de Gestão do Parque Industrial da Ilha Terceira (AGESPI), e nas empresas de operação portuária OPERTERCEIRA, OPERTRI e OPERPDL. No quadro do Grupo SATA, o executivo aprovou a venda de participações sociais no BANIF Açores Pensões, na Azores Express e na VERDEGOLF.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.