Açoriano Oriental
Empresário luso-canadiano aposta na Inteligência Artificial na indústria da limpeza

O empresário luso-canadiano José Correia considerou que a Inteligência Artificial (IA) vai ajudar na falta de mão-de-obra, mas defendeu que “é impossível substituir os humanos na indústria de limpeza”.

Empresário luso-canadiano aposta na Inteligência Artificial na indústria da limpeza

Autor: Sérgio Mourato/Lusa/AO Online

“Como a falta de pessoal tem piorado nestes últimos anos, os robots (de limpeza) ajudam a fazer os trabalhos mais pesados, mais continuados, para que as pessoas se possam dedicar mais aos trabalhos ligeiros”, referiu o empresário, de 71 anos, natural de Albufeira (Algarve).

No entanto, José Correia, presidente e CEO da Bee-Clean Building Maintenance, uma das maiores empresas de limpeza no Canadá, realçou que os robots automáticos de limpeza e aspiradores “não conseguem fazer todo o trabalho”.

“É impossível fazer tudo com os robots, eles apenas vão ajudar e fazer aqueles trabalhos que são mais cansativos. Desta forma permite ajudar os ambos os lados”, acrescentou o empresário, no Canadá desde 1967.

A empresa canadiana tem apostado nos últimos anos na AI e nas novas tecnologias, tendo ferramentas a serem desenvolvidas, criadas pelo seu departamento de Tecnologia de Informação, que serão integradas na aplicação Bee Hive (colmeia, em português).

“Nestes últimos três anos temos apostado bastante em robots e na nova tecnologia. Temos várias aplicações, incluindo a serem desenvolvidas, algumas criadas por nós, as quais são integradas numa plataforma denominada por Bee Hive. Desta forma, há uma comunicação entre as várias aplicações, onde será documentada toda a informação”, explicou.

Nesse sentido, a ferramenta vai permitir um controlo na qualidade e no trabalho realizado pela companhia, ficando disponível em nove idiomas, permitindo aos funcionários um trabalho “mais rápido e eficaz”.

A empresa já investiu cerca quatro milhões de dólares canadianos (2,7 milhões de euros) na modernização, incluindo a aquisição de cerca de 70 robots aspiradores e de limpeza.

A Bee-Clean Building Maintenance opera em edifícios privados e governamentais, aeroportos, hospitais, bases militares, esquadras da polícia, entre outros locais, limpando cerca de 40 milhões de metros quadrados por dia.

José Correia foi reconhecido em 1998 com o Prémio Empreendedor do Ano pela Ernst e Young, em 2003 como Empreendedor do Ano pela BOMA, na região das Pradarias e, em 2015, foi incluído no Passeio da Fama de Luso-Canadianos em Toronto.

De acordo com o recenseamento de 2021, a comunidade portuguesa no Canadá é constituída por 448.305 pessoas, que declararam ser de origem étnica portuguesa, sendo que 240.680 disseram que tinham como língua materna a portuguesa.

Existiam 166.651 portugueses inscritos na rede consular no Canadá em 2022.

Em Winnipeg, capital da província de Manitoba, residem cerca de 20 mil portugueses e lusodescendentes.

 


PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados