Doentes portugueses com artrite reumatoide com menos acesso aos medicamentos biológicos

Doentes portugueses com artrite reumatoide com menos acesso aos medicamentos biológicos

 

Lusa/AOonline   Nacional   1 de Out de 2012, 16:31

A percentagem de doentes com artrite reumatoide tratados com medicamentos biológicos em Portugal é 12 pontos percentuais inferiores à média de 14 países europeus analisados para um estudo recentemente publicado numa revista científica.

O artigo, recentemente publicado no European Journal of Health Economics, os autores compararam a prescrição de medicamentos biológicos em 15 países da Europa, entre os quais Portugal, onde a doença afeta cerca de 40 mil pessoas.

Portugal ocupa neste ranking o último lugar, com 12 pontos abaixo da média nos restantes países europeus analisados: Irlanda, Holanda, Noruega, Suécia, Bélgica, Suíça, Áustria, Dinamarca, Espanha, França, Finlândia, Reino Unido, Alemanha e Itália.

O estudo concluiu ainda que a proporção de doentes com artrite reumatoide tratados em Portugal com medicamentos biológicos é menos de metade, face à média dos países europeus analisados.

Os autores do estudo, que inclui especialistas portugueses, concluíram que “em Portugal ainda existem lacunas na identificação e diagnóstico da doença ou no encaminhamento do doente para o reumatologista”.

“Portugal regista assim um acesso limitado do doente ao reumatologista, provavelmente devido às dificuldades de encaminhamento dos doentes para estes especialistas”, lê-se nas conclusões do estudo.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.