Clássico açoriano termina com vitória do Operário

Clássico açoriano termina com vitória do Operário

 

Arthur Melo   Futebol   25 de Nov de 2007, 18:13

O Operário levou a melhor sobre o Lusitânia no derby açoriano da 12ª jornada da II Divisão Série D, ao vencer por uma bola a zero. Na Tapadinha, o Madalena empatou a uma bola

O Operário venceu o segundo o derby açoriano da 12ª jornada da II Divisão Série D, ao bater na Lagoa o Lusitânia por uma bola a zero, golo do brasileiro Alex ainda na primeira parte.

Numa partida com duas partes distintas, os fabris chegaram à vantagem no primeiro tempo, premiando 45 minutos de bom futebol praticado pela equipa de Francisco Agatão, perante um Lusitânia apático e na defensiva.

No segundo tempo os terceirenses surgiram com outra atitude, equilibraram a contenda e o encontro ficou ainda mais fechado no capítulo táctico. Todavia, o marcador não viria a sofrer alterações até final.

Com mais esta vitória, os fabris continuam no terceiro lugar com 21 pontos, enquanto que o Lusitânia mantém a 13ª e penúltima posição com 10.

Na Tapadinha, o Madalena empatou com o Atlético a uma bola e manteve o segundo lugar, com 25 pontos, na véspera de receber no Pico o Operário na próxima jornada.

A equipa lisboeta, orientada por Carlos Manuel, adiantou-se no marcador por Nunez, aos 26 minutos e, em cima do intervalo, desperdiçou uma grande penalidade. No segundo tempo, logo no reinício, Carlos André estabeleceu a igualdade e, mesmo no final do desafio, mais uma vez o Atlético voltou a desperdiçar nova grande penalidade.

Na frente continua o Olivais e Moscavide, cada vez mais isolado - 29 pontos -, depois de ter derrotado o Pinhalnovense por uma bola a zero


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.