Carlos Anselmo realça mais-valias de projeto educativo em matéria ambiental

Carlos Anselmo realça mais-valias de projeto educativo em matéria ambiental

 

Susete Rodrigues/AO Online   Regional   8 de Abr de 2019, 10:04

O vereador da Câmara da Ribeira Grande, Carlos Anselmo, marcou presença no lançamento do projeto “O jardim da minha rua e do meu coração”, implementado nas escolas D. Paulo José Tavares e António Tavares Torres, na vila de Rabo de Peixe.

Acompanhado pela vereadora Cátia Sousa e pelo presidente da junta de freguesia, Jaime Vieira, Carlos Anselmo destacou a missão ambiental que o projeto encerra e que pretende motivar as crianças e jovens para uma melhor cidadania em defesa do meio ambiente.


“Este projeto pretende promover a educação e cidadania ambiental para a sustentabilidade nos sistemas da educação do ensino básico, motivando as crianças e jovens para a necessidade de mudança de atitudes e adoção de comportamentos sustentáveis no quotidiano, seja a nível pessoal, familiar ou na comunidade em que estão inseridos”, destacou, citado em nota da autarquia.


Ao longo deste primeiro ano do projeto, os alunos de ambas as escolas vão ter oportunidade de preparar as sementeiras, plantar flores e plantas, tratar da manutenção dos jardins e monitorizar o estado dos jardins através de registo fotográfico.


“Através destas ações pretende-se incutir boas práticas de manutenção e conservação da natureza e alertar para as questões do ambiente e desenvolvimento sustentável, bem como reforçar a ação educativa com base na valorização da limpeza e asseamento das ruas para que cada cidadão ou visitante possa admirar o colorido da nossa terra”, acrescentou o vereador.


O projeto também terá uma vertente pedagógica ao nível do reforço dos comportamentos na sala de aula e no ambiente escolar e pretende contribuir, de igual modo, para o sucesso educativo por via da diminuição da indisciplina nas salas de aula.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.