Açoriano Oriental
Câmara Municipal homenageia autores de enredos de danças e bailinhos Hélio Costa e João Mendonça

A Câmara Municipal da Praia da Vitória homenageia, com a Medalha Municipal de Mérito Cultural em Prata Vermeille, no próximo dia 21 de fevereiro, os autores de assuntos de bailinhos e danças de Carnaval Hélio Costa e João Mendonça.


Foto: CMPV
Autor: Susete Rodrigues/AO Online

A cerimónia decorrerá no Auditório do Ramo Grande, pelas 20h30, na qual, após as homenagens, atuarão quatro bailinhos de Carnaval, dois escritos por Hélio Costa e dois por João Mendonça, adianta nota de imprensa.

A homenagem decorre da proposta do executivo municipal, aprovada por unanimidade pela Câmara Municipal, tendo como intuito reconhecer os dois principais escritores de enredos de danças e bailinhos de Carnaval na Ilha Terceira.

“O Carnaval da Ilha Terceira trata-se de uma das maiores representações de teatro popular amador no mundo e quando se fala no Hélio Costa ou no João Mendonça, os seus nomes são imediatamente associados a esta tradição. Ambos são os dois principais e mais prolíficos autores de assuntos de bailinhos de Carnaval, tendo também participado, como atores, em inúmeras representações, muitas delas que, ainda hoje, permanecem na memória dos terceirenses e de muitos emigrantes”, afirma Carlos Armando Costa, vice-presidente da autarquia, citado na mesma nota.

Hélio Costa escreveu o seu primeiro enredo em 1985. Nos últimos 35 anos, foi responsável pela redação de cerca de um milhar e meio de assuntos para danças e bailinhos locais, mas também nos Estados Unidos da América e Canadá.

Por seu turno, João Mendonça escreve bailinhos desde os 16 anos, num estilo mais aproximado das revistas à portuguesa, mas com a rima que caracteriza o Carnaval da Terceira. Para além deste dom criativo é também de sua autoria a criação do “Carnaval Solidário”, uma iniciativa que recolhe fundos pelos diversos salões e salas de espetáculo, nos dias do Entrudo, para apoiar uma associação que ajuda doentes deslocados dos Açores para hospitais do Continente.

Na próxima semana, de segunda a sexta, entre as 09h00 e as 17h00, na bilheteira da Academia de Juventude e das Artes da Ilha Terceira, estarão à venda os 150 bilhetes ainda disponíveis para a cerimónia de homenagem e a exibição dos quatro bailinhos na noite de sexta-feira. Estes ingressos apenas dão acesso a essa noite.


Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.