Câmara da Ribeira Grande aprova orçamento para 2014

Câmara da Ribeira Grande aprova orçamento para 2014

 

Susete Rodrigues   Regional   5 de Dez de 2013, 15:15

A Câmara Municipal da Ribeira Grande aprovou esta quinta-feira o orçamento de 17,95 milhões de euros para 2014,com os votos a favor dos vereadores eleitos pelo PSD e abstenção do PS.

De acordo com nota da autarquia, o primeiro documento elaborado pelo executivo presidido por Alexandre Gaudêncio, intensifica o apoio à ação social.

Desta forma, a criação do Fundo de Emergência Social e o reforço do apoio à habitação degradada são novas rúbricas inscritas no orçamento camarário que vão de encontro ao compromisso assumido por Alexandre Gaudêncio na última campanha eleitoral, rúbricas às quais a vereação socialista se absteve.

“O Fundo de Emergência Social foi aprovado com a maioria dos votos dos vereadores eleitos pelo Partido Social Democrata e abstenção do PS, o que é de lamentar, pois trata-se de uma ferramenta que vida ajudar quem está a passar necessidades”, pode-se ler na nota.

Foi também aprovado a disponibilização de um médico de família que irá dar consultas gratuitas à população do concelho, principalmente àquelas que habitam em zonas mais distantes dos Postos de Saúde.

Ao nível do empreendedorismo, a autarquia da Ribeira Grande prepara-se para fomentar o auto-emprego, nomeadamente através da disponibilização de ferramentas e formação pelas freguesias, uma iniciativa, que surge na sequência do lançamento da Bolsa do Emprego, irá permitir às pessoas interessadas conhecer e aprofundar conhecimentos ao nível dos mecanismos que estão disponíveis na área para criarem as suas próprias empresas.

Por outro lado, foi também decidido esgotar os apoios ao nível do Quadro Comunitário de Apoio em vigor que termina a 31 de dezembro próximo e onde irão inserir-se obras consideradas importantes para o atual executivo camarário, nomeadamente, a construção do parque desportivo na freguesia de São Brás, a ligação da Rua do Jogo ao Bairro de Santa Rosa, na Ribeirinha, e saneamento básico no centro da cidade.

Em Rabo de Peixe, Alexandre Gaudêncio quer dar seguimento à ideia de renovar o Largo do Coreto. As verbas para as juntas de freguesia vão ver reforçadas, mais 25% em média em comparação com os valores atribuídos pelo anterior executivo.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.