Educação

Bruxelas apresenta novo programa Erasmus que quer duplicar número de beneficiários

Bruxelas apresenta novo programa Erasmus que quer duplicar número de beneficiários

 

Lusa/AO online   Internacional   23 de Nov de 2011, 10:42

A Comissão Europeia apresentou, em Bruxelas, o novo programa Erasmus para Todos, nos domínios da educação, formação, juventude e desporto, destinado a cinco milhões de jovens, quase o dobro dos abrangidos pela versão actual da bolsa.
A nova bolsa Erasmus para Todos substitui sete programas diferentes, incluindo de voluntariado e estágio, e irá permitir que os estudantes de mestrado também beneficiem de um novo mecanismo de garantia de empréstimos criado pelo Grupo do Banco Europeu de Investimento.

Com um orçamento previsto de 19 mil milhões de euros para sete anos, a partir de 2014, o Erasmus para Todos, poderá permitir que 2,2 milhões de estudantes do ensino superior recebam bolsas para realizarem parte dos seus estudos ou da sua formação no estrangeiro.

Os programas actuais incluem 1,5 milhões de estudantes.

Por outro lado, 735 000 estudantes do ensino profissional poderão realizar parte dos seus estudos e da sua formação no estrangeiro (350 000 estudantes actualmente) e as bolsas de estágio deverão abranger outros 700 mil, mais 100 mil do que actualmente

O Erasmus para Todos incluirá ainda as iniciativas Programa de Aprendizagem ao Longo da Vida e Juventude em Acção, ao abrigo das quais, só em Portugal, 23 500 pessoas beneficiaram, em 2010, de bolsas da UE para efeitos de estudo, de formação e de voluntariado.

A proposta de Bruxelas terá agora que ser aprovada pelo Conselho da União Europeia e pelo Parlamento Europeu.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.