Açoriano Oriental
Açores com projeto-piloto que aposta em novas tecnologias de mobilidade elétrica

O projeto-piloto "Energia Sobre Rodas – V2G Açores" foi inaugurado esta segunda-feira e envolve vários parceiros do setor energético, apostando na utilização de tecnologias inovadoras relacionadas como mobilidade elétrica e no benefício para o cliente-utilizador e para o operador da rede elétrica.

Açores com projeto-piloto que aposta em novas tecnologias de mobilidade elétrica

Autor: Lusa/AO Online

O projeto, inaugurado em Ponta Delgada pelo presidente do Governo dos Açores, Vasco Cordeiro, permite que os veículos elétricos deixem de ser apenas consumidores de eletricidade, para que possam igualmente injetar energia na rede, ou seja, permite que um veículo elétrico carregue a sua bateria e/ou a descarregue para fornecer energia à rede elétrica nos momentos em que esta necessita.

“Não basta produzir energia a partir de fontes de energia renováveis. É necessário também utilizar bem esta energia. Este projeto coloca a ênfase nesta componente”, realçou o presidente do Governo dos Açores, que falava na sede da Eletricidade dos Açores (EDA).

Os objetivos deste projeto, prosseguiu, "colocam os Açores entre os que estão na vanguarda em termos tecnológicos de mobilidade elétrica".

O projeto é desenvolvido pela Galp, Nissan, EDA, Nuvve, Magnum Cap, DGEG, ERSE e o Governo dos Açores, através da Direção Regional de Energia.

A Galp frisa que a iniciativa concretiza a sua orientação "de uma transição energética assente na descarbonização do setor, na descentralização e na conectividade".

"A tecnologia V2G permitirá aos utilizadores de veículos elétricos o acesso a uma poupança na sua fatura de energia e a uma receita associada à prestação de serviços à rede elétrica, posicionando os utilizadores como agentes ativos na prestação de serviços auxiliares ao sistema elétrico", sustenta a empresa, em nota enviada às redações.


 
PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.