UE apela para segunda volta "credível" no Afeganistão

UE apela para segunda volta "credível" no Afeganistão

 

Lusa / AO online   Internacional   20 de Out de 2009, 16:56

O chefe da diplomacia da União Europeia, Javier Solana, saudou a aceitação pelo presidente do Afeganistão, Hamid Karzai, de uma segunda volta das eleições presidenciais afegãs, apelando para que seja "credível" e tenha um resultado "legítimo".
"Exorto todas as partes interessadas nas eleições a fazerem todo o possível para garantir que a taxa de participação na segunda volta permita que o escrutínio seja credível e realizado em segurança", diz Solana num comunicado divulgado hoje em Bruxelas.

Para o Alto Representante da União Europeia para a Política Externa e de Segurança Comum, uma elevada participação e a segurança do acto eleitoral "deverão produzir um resultado credível e legítimo".

"A segunda volta (as eleições presidenciais) deverá permitir a constituição de um governo eficaz e determinado em fazer frente aos problemas do país",concluiu Javier Solana.

A Comissão Independente Eleitoral (IEC) anunciou hoje a realização de uma segunda volta das eleições presidenciais no Afeganistão a 07 de Novembro.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.