Açoriano Oriental
1ª Liga
Treinador promete Santa Clara com “grande ambição” para regressar às vitórias no campeonato

O treinador do Santa Clara, Daniel Ramos, disse que a equipa açoriana vai com “grande ambição” a Vila de Conde defrontar o Rio Ave para poder regressar às vitórias na I Liga de futebol.

Treinador promete Santa Clara com “grande ambição” para regressar às vitórias no campeonato

Autor: Lusa/AO Online

“É um Rio Ave europeu que está aquém das expectativas, mas que continua a ter valor. É com respeito, sabendo dessa valia, que vamos a Vila de Conde, com uma grande ambição de querermos novamente regressar a resultados positivos, sendo o foco e a prioridade máxima a vitória”, declarou o treinador.

Daniel Ramos falava na antevisão ao encontro diante do Rio Ave, a contar para a 15.ª jornada da I Liga de futebol.

O Santa Clara não vence para o campeonato há cinco jogos consecutivos, depois de derrotas diante do Vitória de Guimarães, Moreirense e Famalicão (na última jornada) e empates com o Benfica e Nacional.

Apesar do “percalço” na última jornada, o treinador dos açorianos realça as exibições “positivas da equipa” e a vitória diante do Moreirense que garantiu uma presença histórica nos quartos de final da Taça de Portugal.

“Se virmos as coisas de forma separada, já há algum tempo que não vencemos para o campeonato, sim. Se virmos as coisas em sequência é diferente. Vimos de exibições boas e de resultados, à exceção do último jogo”, apontou.

Sobre o próximo adversário, Daniel Ramos afirmou que o Rio Ave está a passar uma “fase de reestruturação”, mas que tem “muita qualidade”.

“O Rio Ave é uma boa equipa, é um bom clube. É o clube da minha cidade, é um clube que eu conheço bem, com boas pessoas, com bons profissionais e eu sei que vai ser um jogo com grande grau de dificuldade”, disse.

A propósito da saída do capitão Osama Rashid para a Turquia, o treinador do Santa Clara afirmou que o clube não tem a “ilusão” de ter como “objetivo principal ficar em sexto, sétimo” lugar, mas antes procura “valorizar a estrutura” e ficar longe de “zonas de aflição”.

“Quando eu entrei aqui, um dos pedidos da administração foi esse: valorizar atletas, valorizar a equipa, procurar com que a equipa jogue um futebol bom, que demonstre que a equipa é boa, do ponto vista da qualidade de jogo. E isso está a ser conseguido”, afirmou.

Para o campeonato, Rio Ave vem de um empate a uma bola diante do Sporting, de uma vitória frente ao Portimonense (3-0) e de uma derrota com o Paços de Ferreira (2-0).

Santa Clara, nono classificado com 15 pontos, joga com o Rio Ave, em 10.º lugar com os mesmos pontos, na próxima segunda-feira às 16h30 no estádio dos Arcos em Vila do Conde.


PUB
Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados