Trabalhadores da OGMA contra extinção de postos de trabalho


 

Lusa / AO online   Economia   23 de Out de 2009, 18:41

Os trabalhadores das Oficinas Gerais de Material Aeronáutico (OGMA) concentraram-se esta tarde junto às instalações da empresa, em Alverca, em sinal de protesto contra a extinção dos postos de trabalho e a alegada imposição de rescisões amigáveis.
"A empresa tem entregado cartas aos trabalhadores que, além da ameaça da extinção dos postos de trabalho, os obriga a ir para casa dispensando-os ao serviço", acusou Ricardo Costa, do Sindicato dos Trabalhadores Civis das Forças Armadas, Estabelecimentos Fabris e Empresas de Defesa (STEFFAS).

Em causa está o envio de cartas dirigidas aos trabalhadores desde Maio de 2009, segundo as quais os visados são convidados a optar entre a rescisão amigável ou a suspensão de funções.

Caso optem pela suspensão de funções, a empresa compromete-se a assegurar-lhes um salário mensal por tempo indeterminado, o que está a revoltar os operários.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.