Revista de imprensa nacional


 

Lusa/AO Online   Regional   21 de Mar de 2010, 06:35

O congelamento do abono de família, a mensagem do Papa sobre os abusos sexuais na Igreja Católica e o jogo Benfica - Porto para a Taça da Liga são alguns dos principais destaques dos jornais de hoje.

O Correio da Manhã noticia que o abono de família estará congelado durante três anos, uma vez que o Programa de Estabilidade e Crescimento prevê que o Indexante das Prestações Sociais não será aumentado até 2013.

"Sou ambicioso e quero mais" é a citação do treinador do Benfica que o Correio da Manhã escolhe também para destaque de primeira página.

O Jornal de Notícias escolhe para manchete um tema sobre as autoestradas sem custos para o utilizador: "Cem quilómetros nas Scuts vão custar cerca de seis euros".

A entrevista ao primeiro ministro, José Sócrates, é também chamada de primeira página neste jornal, que escolhe o título: "O PEC deve ser assumido pelo país".

No Público, o principal destaque avança que as câmaras municipais "não respeitam tempos de passagem de peões nos semáforos".

"Papa assume responsabilidade pela pedofilia" é outro dos títulos da capa, que sublinha que o "fim do celibato é visto por teólogos como uma das soluções".

A mensagem de Bento XVI aos fiéis irlandeses a manifestar "vergonha" e "remorso" pelos abusos sexuais surge igualmente na primeira página do Diário de Notícias, que escreve: "Vítimas de pedofilia desiludidas com desculpas do Papa".

Como principal tema, o DN escolhe histórias de portugueses vítimas do colapso da banca islandesa.

A capa do 24 Horas é dedicada ao Parlamento, com o jornal a propor contar "o que os deputados escondem nos computadores", continuando uma "guerra aberta por José Lello e Jaime Gama".

Nos desportivos, o Benfica-Porto de hoje para a Taça da Liga é o tema comum nas manchetes, com o Record a escrever "Festa do Caneco", A Bola a optar por "Duelo Final" e O Jogo a titular "mega Duelo".


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.