Constituição

Redacção sobre proibição dos despedimentos está "completamente em aberto"


 

Lusa / AO online   Economia   20 de Jul de 2010, 18:42

O dirigente social-democrata Calvão da Silva disse esta terça-feira que o PSD quer rever a Constituição em nome de um "Estado social sustentável" e que a redacção do artigo sobre proibição dos despedimentos está "completamente em aberto".
João Calvão da Silva adiantou que o PSD não propõe alterar o preâmbulo da Constituição.

"Não é alterado porque é datado. O que lá está, como a sociedade a caminho do socialismo, toda a gente percebe que é para ser lido historicamente. É um texto que traduz uma história, portanto, a história mantém-se", justificou o professor de direito e presidente do Conselho de Jurisdição Nacional do PSD.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.