“Quer o senhor Batista, quer o senhor Cordeiro não são pessoas honestas”

“Quer o senhor Batista, quer o senhor Cordeiro não são pessoas honestas”

 

Nuno Martins Neves   Futebol   13 de Fev de 2019, 08:59

Ismail Uzun, empresário turco acusa o antigo presidente do Santa Clara de o ter enganado. Promete avançar com uma queixa na polícia e não se dá por vencido

O que se passou segunda-feira no tribunal?

Eu já suspeitava desde sexta-feira, dia 8 de fevereiro, que algo iria acontecer no tribunal. Sempre tive um acordo com o senhor Mário Batista, nunca falhei com esse acordo. Recebi um telefonema na sexta-feira de São Miguel a avisar-me que o senhor Mário Batista e o senhor Rui Cordeiro tinham chegado a um acordo. Tentei chegar à conversa com o senhor Mário Batista, que nunca atendeu os meus telefonemas. E aquilo que eu suspeitava desde sexta-feira confirmou-se na segunda-feira. [O julgamento de] Dia 8 era suposto ser um grande passo para entrar na SAD do Santa Clara. Mas nada se passou: nem tive oportunidade em tribunal de explicar a minha situação! Antes de começar a sessão fui informado que havia um acordo entre as partes. Fui enganado! Mas vou continuar a lutar.


Leia a entrevista na íntegra na edição impressa do jornal Açoriano Oriental de quarta-feira, 13 de fevereiro de 2019




Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.