Construção civil

Quase 900 construtoras podem ficar sem alvará este ano

Quase 900 construtoras podem ficar sem alvará este ano

 

Lusa / AO online   Economia   19 de Mar de 2010, 10:20

Quase 900 construtoras portuguesas podem ver o seu alvará cancelado este ano e outras 900 podem ter o seu alvará reclassificado, avançou à Lusa fonte oficial do Instituto da Construção e do Imobiliário (InCI), que regula o sector.
Anualmente, as construtoras têm de renovar o seu alvará - documento fundamental para que as empresas possam exercer a sua actividade -, podendo o InCI revalidar, reclassificar ou cancelar o alvará.

Fonte oficial do InCI avançou à Lusa que, este ano, "882 empresas não têm condições para continuar detentoras de alvará, pelo que o mesmo poderá ser cancelado, caso não regularizem a situação impeditiva".

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.