PSD/Terceira critica constrangimentos nas ligações aéreas

PSD/Terceira critica constrangimentos nas ligações aéreas

 

Susete Rodrigues/AO Online   Regional   30 de Ago de 2019, 10:47

O PSD/Terceira considera “lamentáveis e inconcebíveis os constrangimentos verificados no transporte aéreo da Terceira para o continente português”, situação resultante “da ausência de lugares nas companhias públicas TAP e SATA, até ao início de setembro”.



Segundo refere Rui Espínola, vice-presidente da estrutura local do PSD, em comunicado “os constrangimentos também são uma realidade interilhas, manifestando-se através das enormes dificuldades à saída da Terceira para qualquer outra paragem dos Açores”.


“Há muito tempo que temos vindo a alertar para o problema do transporte aéreo para a ilha Terceira e para a necessidade de termos uma companhia área regional - a SATA -, forte e equilibrada, que possa ser um elemento regulador do mercado”, adianta o social democrata.


Rui Espínola afirma que “é necessária coragem política do governo regional para, em conjugação com o seu conselho de administração, tomar as medidas necessárias e urgentes, nomeadamente uma reestruturação da companhia, que lhe permita rejuvenescer-se e robustecer-se, para poder servir convenientemente os terceirenses e os açorianos em geral”.


Para o social democrata, “temos assistido à procura constante de mais envelopes financeiros que permitam sustentar o grupo SATA por mais uns meses. Ora, isso é insustentável”, critica.


Desta forma, o PSD/Terceira exige ao governo regional que tome medidas urgentes “para que a SATA se possa reestruturar, rejuvenescer, robustecer-se, e efetivamente regular o mercado”, evitando-se “os constrangimentos agora verificados ao nível da mobilidade aérea, que afetam os terceirenses e os açorianos em geral”, concluiu.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.