Proteção Civil quer estender curso de Primeiros Socorros acreditado a todas as escolas da Região

Proteção Civil quer estender curso de Primeiros Socorros acreditado a todas as escolas da Região

 

Susete Rodrigues/AO Online   Regional   1 de Jul de 2019, 19:00

O Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores (SRPCBA) pretende que o primeiro curso de Primeiros Socorros, acreditado pela Direção Regional da Educação, chegue a todas as escolas da Região, avançou esta segunda-feira, Carlos Neves, presidente do SRPCBA.

Carlos Neves, que falava no âmbito da formação, com a duração de 16 horas, que decorre esta segunda e terça-feira, na Escola Básica e Secundária Tomás de Borba, em Angra do Heroísmo, explicou que, “além de dotar os professores com conhecimentos necessários e básicos de Primeiros Socorros para uma correta atuação numa situação de emergência até à chegada de ajuda diferenciada”, disse citado em nota de imprensa.


Esta foi a primeira vez que o SPRCBA recebeu esta acreditação, que permitirá atribuir 0,6 créditos para a progressão na carreira do pessoal docente.


Entre vários aspetos, os formandos ficarão aptos a identificar situações de paragem cardiorrespiratória e executar manobras de suporte básico de vida, utilizar corretamente o desfibrilhador automático externo, administrar os cuidados adequados a cada situação, assim como conhecer as normas de conduta e de atuação do socorrista, conhecimentos que “são fundamentais para salvar vidas” e que “poderão assumir particular importância no contexto escolar”, salientou Carlos Neves.


Além deste curso, o presidente do SRPCBA adiantou que, através dos vários Clubes de Proteção Civil implementados nas escolas açorianas, têm sido promovidos vários tipos de ações, como palestras de Primeiros Socorros e de Suporte Básico de Vida e, numa vertente prática, têm sido ministrados Mass Trainings em Suporte Básico de Vida e cursos de Suporte Básico de Vida com Desfibrilhação Automática Externa.


De 2017 até maio deste ano, o SRPCBA ministrou cerca de 160 ações em ambiente escolar, envolvendo mais 8000 participantes, entre alunos, pessoal docente e não docente.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.