Açoriano Oriental
Produtores de vinho nos Açores duplicaram entre 2012 e 2019

O presidente do Governo dos Açores, Vasco Cordeiro, afirmou esta quarta-feira que o setor vitivinícola registou, nos últimos anos, uma “profunda mudança”, tendo duplicado entre 2012 e 2019 o número de produtores, de 246 para 517.

article.title

Foto: GaCS/JAR
Autor: Lusa/AO Online

O chefe do executivo açoriano afirmou que as ilhas dos Açores produtoras viram aumentar o número de vinhos certificados e do valor das uvas, acompanhado por um “crescente e vigoroso espírito empreendedor e empresarial", que se traduziu, além do aumento de produtores, em área cultivada, passando-se de 190 hectares em 2012 para cerca de mil em produção de vinha certificada na atualidade.

Vasco Cordeiro falava no lançamento ao público do vinho “Pedras Brancas 2018”, na Adega e Cooperativa Agrícola da Ilha Graciosa, em Santa Cruz, da Graciosa, no âmbito da visita oficial do Governo Regional à ilha.

Deste montante de hectares, tendo em conta o período em referência, 800 foram recuperados através do programa VITIS, que se destina a apoiar projetos de reestruturação e reconversão das vinhas.

Vasco Cordeiro apontou que existem cerca de 40 vinhos certificados nos Açores, sendo que em 2019 foram uma dezena.

A certificação de vinhos na região é assegurada pela Comissão Vitivinícola dos Açores.

O governante considerou que o “crescimento exponencial” deve-se ao aproveitamento dos viticultores dos apoios financeiros disponíveis no âmbito do programa VITIS, que “já permitiu realizar investimentos de 21 milhões de euros”.

Vasco Cordeiro disse que não quer “ficar por aqui” porque acredita no “potencial que o setor tem para criar riqueza na região e ajudar nas exportações”, referindo que foi aberto um novo aviso, no âmbito do VITIS, de quatro milhões de euros para projetos de reconversão da vinha nas ilhas Graciosa, Terceira, São Jorge, Faial, São Miguel e Santa Maria.

Para o líder do executivo, torna-se imperioso promover ainda mais os vinhos dos Açores em termos internacionais, tendo anunciado para 18 e 19 de abril, a realizar na ilha do Pico, o primeiro Fórum da Vinha e do Vinho, que vai concentrar a produção, distribuição, enólogos e comunicação social especializada.



Regional Ver Mais
Cultura & Social Ver Mais
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.