Primeiros reforços terrestres franceses entraram na República Centro Africana

Primeiros reforços terrestres franceses entraram na República Centro Africana

 

Lusa / AO online   Internacional   7 de Dez de 2013, 11:46

Os primeiros reforços terrestres do exército francês entraram hoje de manhã na República Centro Africana, noticiou a agência France Press.

 

Uma coluna de cerca de 200 soldados franceses atravessou a fronteira na localidade de Cantonnier (oeste da República Centro Africana), constatou um jornalista da AFP que viaja integrado no dispositivo francês.

Os soldados foram saudados por uma multidão alinhada ao longo das estradas e que gritava "Obrigado! Obrigado!".

Cerca de 800 soldados franceses estavam já na República Centro Africana, em Bangui, no quadro da operação "Sangaris" (nome de uma borboleta local), oficialmente lançada na quinta-feira após luz verde das Nações Unidas.

Um contingente de cerca de 350 homens desembarcou na semana passada nos Camarões, estando prevista a sua entrada em território centro-africano pelo oeste.

O dispositivo francês, destacado para apoiar a força africana no país, deverá atingir um total de 1.200 homens, segundo Paris.

Mais de 300 pessoas morreram desde quinta-feira em Bangui, capital da República Centro-Africana, nos ataques das milícias contra civis, segundo a Cruz Vermelha Centro-Africana (CVCA).

A República Centro-Africana, com 4,5 milhões de habitantes, mergulhou no caos desde o golpe de Estado de março realizado pela coligação rebelde Séléka, com origem na minoria muçulmana, que afastou do poder o Presidente François Bozizé.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.