Primeiro Centro de Noite para Idosos inaugurado em Ponta Delgada

Primeiro Centro de Noite para Idosos inaugurado em Ponta Delgada

 

Lusa / AO online   Regional   11 de Set de 2011, 18:47

O primeiro Centro de Noite para Idosos dos Açores foi hoje inaugurado, em Ponta Delgada, para apoiar utentes que podem viver sozinhos durante o dia nas suas casas, mas necessitam de um local onde dormir em segurança.

“A inauguração do Centro de Noite de Ponta Delgada permite iniciar e diversificar a oferta das respostas dirigidas aos mais idosos e assim responder às necessidades até agora não satisfeitas”, sublinhou a secretária regional do Trabalho e Solidariedade Social, Ana Paula Marques, na inauguração do novo equipamento.

O Centro, que representa um investimento superior a 550 mil euros, resulta da remodelação de uma antiga residência localizada na cidade de Ponta Delgada, e terá capacidade para acolher oito idosos, tendo Ana Paula Marques destacado "a centralidade e a proximidade" da casa a vários serviços, "as condições de acessibilidade e de segurança", num investimento do Instituto de Gestão Financeira para a Segurança Social que "iniciou este projeto", a que se seguem outros.

De acordo com a secretária regional, "este mês será também inaugurado o centro da Salga, no Nordeste, em S. Miguel, numa iniciativa da Santa Casa da Misericórdia, estando também concluído o centro de noite dos Flamengos, no Faial".

"Em fase de conclusão estão as obras do centro de noite de Santa Bárbara, no Faial. Em S. Jorge, na Urzelina, foram iniciadas as obras de um equipamento idêntico e está em fase de projeto o centro de noite de São Pedro, em S. Maria", acrescentou, Ana Paula Marques, sublinhando a resposta "inovadora" daqueles equipamentos, tendo em conta as exigências actuais das famílias, uma vez que "quer o homem e a mulher trabalham e deixam de ter menos espaço disponível para acompanhar os mais idosos".

Segundo acrescentou, tratam-se de investimentos que "vêm dar resposta à quantidade de idosos, sobretudo mulheres, que têm uma vida com muita autonomia, mas ao fim do dia têm enorme receio de permanecerem sozinhas e pretendem algum conforto durante a noite".

As inscrições para o centro vão abrir esta semana no Instituto para o Desenvolvimento Social dos Açores, estando também a ser preparado o concurso para a exploração do espaço.

A secretaria regional frisou ainda que o equipamento de apoio à terceira idade pode também iniciar "um projeto multidisciplinar, durante o dia, no rés-do-chão com atividades para crianças e à noite ter a função de centro de noite".


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.