Preços das casas sobem 1,7%

Preços das casas sobem 1,7%

 

Lusa/AO Online   Economia   3 de Nov de 2009, 10:30

Os preços das casas em Portugal mantiveram-se estáveis durante os três primeiros trimestres de 2009, tendo sofrido uma subida de 1,7 por cento no segundo trimestre.

Segundo a Era, o "factor estabilidade no preço, associado ao aumento da concessão de créditos à habitação nos segundo e 3terceiro trimestres do ano, revela que o mercado imobiliário português está em recuperação".

A imobiliária considera também que "a redução da taxa Euribor em 80 por cento nos últimos 12 meses contribuiu para a melhoria dos resultados no sector".

Estas são algumas das conclusões apresentadas pela Era Portugal na conferência de imprensa da ERA Europa, que decorre hoje em Paris.

Recorde-se que os preços das casas baixaram consecutivamente nos quatro trimestres de 2008, só tendo subido 1,7 por cento no segundo trimestre de deste ano, e que em Portugal não se verificou a "bolha especulativa" que ocorreu em Espanha, Inglaterra e Irlanda.

O total de emréstimos bancários concedidos em Portugal diminuiu cerca de 40 por cento em 2008 face ao ano de 2007.

Contudo, a partir do segundo trimestre de 2009 nota-se um aumento do crédito à habitação concedido pelos bancos (mais 22 por cento face ao primeiro trimestre de 2009).

Entre 2006 e 2009, o número de casas vendidas em Portugal(incluindo as vendas imobiliárias e a venda entre particulares) decresceu todos os os anos.

Em contrapartida, à excepção do ano de 2008, a facturação da ERA Portugal cresceu, segundo a empresa, a bom ritmo, sendo em Setembro de 2009 o melhor de sempre, mais 39 por cento do que em Setembro de 2008 e mais 15 por cento face a Setembro de 2007.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.