Praga de ratos obriga a transferência de alunos

 Praga de ratos obriga a transferência de alunos

 

Lusa/AO Online   Nacional   16 de Out de 2009, 19:33

Os alunos da escola básica do primeiro ciclo de Almoçageme, Colares, vão ser transferidos para outra instituição escolar, devido a uma praga de ratos, disse à agência Lusa o presidente da Educa, empresa pública que gere os equipamentos educativos de Sintra.

"Os alunos vão sair desta escola. Estamos a estudar duas ou três hipóteses", disse António Canelas, presidente da Educa.

Segundo o mesmo responsável, sábado de manhã será decidido o local para onde os alunos serão transferidos.

"Não se tratou de uma infestação mas, de facto, existem alguns ratos na escola. Fizemos uma desinfestação mas ainda não fez efeito", explicou.

António Canelas adiantou que a escola esteve hoje em funcionamento mas que alguns alunos já não foram às aulas, por decisão dos encarregados de educação.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.