PPM diz não haver remodelação do Governo dos Açores, apenas uma "dança de cadeiras"


 

Lusa/AO online   Regional   18 de Set de 2018, 16:43

 O deputado do PPM no parlamento açoriano, Paulo Estêvão, disse hoje não haver uma real "remodelação" do Governo dos Açores, antes uma "dança de cadeiras" bem diferente das mudanças que "circulavam no meio político".


"Isto não é nenhuma remodelação, trata-se apenas de uma dança de cadeiras", vincou o parlamentar, falando aos jornalistas na cidade da Horta, à margem da sessão plenária do parlamento da região.

As alterações hoje anunciadas não são as que "circulavam no meio político", continua o parlamentar.

"Falava-se na alteração de várias secretarias. Isto tem a ver com as tensões dentro do Governo [Regional] e o poder que tem o presidente do Governo e o vice-presidente do Governo, que não chegaram a acordo sobre a remodelação a fazer", acredita Paulo Estêvão.

O presidente do Governo dos Açores decidiu proceder a uma renovação na equipa de diretores regionais nas áreas da Solidariedade Social, da Educação, da Cultura, da Saúde, do Turismo e do Desenvolvimento Rural.

Numa nota, o executivo açoriano liderado pelo socialista Vasco Cordeiro acrescenta que, "além das alterações nestas direções regionais, este processo de renovação inclui ainda a nomeação de novos presidentes dos Conselhos de Administração da Portos dos Açores, do Hospital de Santo Espírito da Ilha Terceira, da Unidade de Saúde da Ilha Graciosa e do Instituto da Segurança Social dos Açores".




Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.